terça-feira, 15 de novembro de 2011

E...quando o sol nasce...os nossos corpos ainda estão quentes...ainda olho para ti..admiro a tua beleza...abraças-me...e beijas os meus lábios como se fosse o primeiro beijo...ainda toco e danço no teu corpo..com as minhas mãos demoradamente..delicadamente...a noite passou rápida..a lua escondeu-se..envergonhada...e nós..meu amor...continuamos...meu desejo...teu desejo...e a paixão a vibrar em nós...(Cris Anvago)