segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Eu sei que gostavas de saber tudo de mim.
Tudo mesmo!
Mas, isso também eu gostava!
O que eu quero mesmo é que me vás descobrindo e, acredita, vais descobrir coisas que eu desconheço em mim e que gostava de conhecer.
Se me analisares com atenção até vais descobrir aqueles defeitos que eu nunca imaginei ter, aqueles que pensava que só existiam nos outros e que não gostava…
Vou agradecer que me vejas com “olhos de ver”, sem o coração interferir e me digas como realmente sou!
Vou contar-te um segredo: só assim eu posso tornar-me uma pessoa melhor, só assim eu me vou conhecer, porque aos meus olhos eu não vejo os meus defeitos como tu os sentes e nem sei que qualidades tenho, ou se existem! Sou muito crítica em relação a mim e sempre penso que poderia ser melhor, fazer melhor, expressar-me melhor.
Sabes que nem conheço as minhas qualidades? Pois não. Tens tu que descobrir! E por favor diz-me, porque, provavelmente, eu poderei ser melhor do que sou agora!
Eu gostava de saber mais sobre mim, mas o meu pensar não é imparcial e eu gostaria de saber, realmente, como sou.
Saber tudo de mim não vais saber, porque existem sempre pequenos detalhes guardados nem eu sei onde…perco-me em mim percebes? Desconheço-me em alguns momentos, nas atitudes, nas palavras, no sentir…
Descobre-me e diz-me como sou…se conseguires….

Cris Anvago