segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Na nova luz que iria surgir
Libertei as palavras
Como balões coloridos
As que me encheram de esperança
E me inundaram de amor!
Vou renová-las
Revirá-las
Encontrar novas formas
Novas cores
Nos mesmos amores de 2015.
Que 2016 vem iluminado
Em estrelas que saltitam
Em prosa ou verso
Dançam no céu
Que a imaginação se solte
No sopro das palavras que me envolvem…

Cris Anvago