sábado, 24 de setembro de 2011

Quando oiço a tua voz...nos meus lábios um sorriso...no meu coração batimentos rápidos...o meu corpo quer abraçar demoradamente o teu...e os meus olhos querem passear em ti...como se estivessem a ler...a mais bela poesia de amor..que és tu...(Cris Anvago)