domingo, 12 de agosto de 2012

Muitas noites...muita música..muita dança..muitos risos...muitos amigos...muita festa...muitas festas..muitos abraços...muitos amigos...muita conversa...calor..umas imperiais..muitos amigos...muito conforto...muitos olhares...muitas cores..muitos amigos...muita alegria...noites quentes..muitos amigos...

Uma noite...silêncio...tudo quieto...ninguém...corpo sózinho..nenhum abraço..nenhum amigo...se...
m conversa..frio no corpo..tremores...muita água...os olhos quase não se abrem...olhar sem cor..desconforto...nenhum amigo...tristeza...depressão...gripe...nenhum amigo...

Os amigos? Não...afinal eram corpos que dançavam..se moviam..sem sentimento...os abraços eram sombras de braços em mim...não tinham calor..não me sentiam..abraçavam-se a eles próprios...mentes egoistas...cantam e dançam...e eu...só....

Amigos??? banda desenhada...virei a página..folha branca..sem sorrisos para mim..sem carinhos..sem palavras...abandono...continuam soltos noutras páginas de outros livros de outras vidas de outras pessoas...que pensam..que eles..são...amigos...

Estou melhor..telefonemas..convites...para dançar..beijos calorosos (dizem)...amigos??? para mim..agora..estranhos...vazios...sem sentimentos...
(Cris Anvago)