quinta-feira, 2 de maio de 2013

És fogo
Chama vermelha 
Silêncio de delícias
Que o meu corpo incendeia
Um grito de prazer
Que pede mais...
Sou vulcão
Dentro de ti
Lava quente
Tu...
Queimas
Acendes-me
O nosso amor
Nunca é quente demais...
(Cris Anvago)


Foto: Please share this album © Gregory Boratyn
http://facebook.com/ArtPics.tv