sábado, 7 de janeiro de 2012

Bebo as tuas palavras amor...saboreio o teu corpo...passeio pelos teus lábios...desenho o meu corpo no teu num desejo que não tem limites...numa paixão cheia de loucura...por nós sonhada..dentro de nós vivida...(Cris Anvago)