terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Nos momentos em que te penso..
sinto-te em mim..
como se estivesses a acariciar-me..
sinto o teu cheiro..
o sabor do teu beijo nos meus lábios...
e tranquilamente penso-me..
a percorrer o teu corpo nu..
beijar o teu pescoço..
com os meus braços apertar-te em mim..
e penso-te..
penso-me..
sinto-te..
tão em mim...
meu amor..
(Cris Anvago)