sábado, 28 de abril de 2012

E quando me sinto sem forças para lutar...fecho os olhos...e penso em ti...como é bom amar...(Cris Anvago)