terça-feira, 19 de junho de 2012

Eu quero uma casa no campo..
onde eu possa planar no silêncio da paz..
onde o amor inunde o espaço...
onde só tu e eu existimos...
e nossos suspiros de amor ecoem na floresta...
onde os pássaros acompanhem a melodia do nosso amor..
Eu quero uma casa no campo...
onde o nosso amor acorda livremente...
onde os nossos corpos se soltem..
...
onde só existam as nossas emoções..
onde os nossos sentires sejam as estrelas..
onde a nossa loucura se reflita na lua cheia..
onde te recebo..e me dou...
inteira...
corpos enlaçados e enamorados..
onde os nossos beijos sabem a amoras silvestres..
Eu quero uma casa no campo..
onde o nosso amor cresça...
sempre mais..e mais...meu amor..
(Cris Anvago)