terça-feira, 5 de novembro de 2013

Deixa-me dar-te um beijo
Intenso e de desejo
Onde sintas o calor do Verão
Mergulhes na emoção
Do meu corpo que baila
Nos meus olhos que desmaiam
No teu corpo colorido
Sou pássaro que canta
E no teu corpo descansa
Em ti renasce de emoção...

Sou fado, alegria, paixão
Deixa-me dar-te um beijo
Acender a chama ardente
No meu coração o teu sente
As batidas da alegria
Desejo que nasce na noite
Cresce cada dia
No beijo que te dou
No teu coração permaneço
Alegre, porque no teu coração ainda estou
Deixa-me dar-te um beijo...
Intenso...
(Cris Anvago)