sábado, 28 de maio de 2016

(A)MAR(ES)…

O navio corta as ondas do mar
Imensidão
Abismo
Oceano sem fim
Linha do horizonte com cheiro de carmim
Vermelhos os sorrisos
Rubras as faces
Fisionomias em desalinho
No desarranjo dos lençóis
Navegam as emoções
Corações em alvoroço
Agitações!!
Enternecidos os olhares
Mergulham no prazer
Abandonam o navio
Mergulham no amar!

Cris Anvago