sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

O sol aquece os meus silêncios
Que se vão derramando em ti
Em lavaredas suaves no teu corpo
Através dos meus dedos
Sentes o vulcão de mim
Que te inunda em lava fluorescente
Em todo os teus poros
Que ficam impregnados de paixão
De desejo...dança dos sentidos...
Fervor em te ter
Sou eu corpo quente
A ferver nos teus sentidos
A fazer voar a tua mente
Com pensamentos proibidos
Mas tão bons de se ter
Cris Anvago