segunda-feira, 19 de março de 2012

E quando nossos corpos se tocam...
o desejo cresce...
como um íman...
o meu corpo anseia pelo teu...
cola-se no teu...
o meu corpo é teu...
já que o coração te pertence...
desde sempre...
mesmo antes de te conhecer...
batia por ti...
(Cris Anvago)