segunda-feira, 6 de abril de 2015

    Todas as lágrimas são salgadas
    Em todos os rostos que caem
    O Sangue que pulsa
    Em todos nós tem a mesma cor
    Somos todos iguais!...
    (Cris Anvago)