sábado, 3 de dezembro de 2016


No meu peito a esperança é luz vermelha
Faísca de estrelas
Alicerce do meu sonho
Ilusão que transparece
Nos meus olhos enlouquece
O teu olhar…
Cris Anvago