sábado, 3 de dezembro de 2016


A solidão é um grito calado
Profundo e amordaçado
Que nos deixa sem voz
Que nos quer inertes e sós

A solidão é quando a nossa alma se evapora
Na esperança de encontrar um sorriso

Solidão é estar e não querer
É não sentir o seu corpo
É existir sem perceber
qual o seu papel na vida
porque se sente dividida…

A mente e o coração choram
Sem saber como chegaram ao seu limite…

Solidão é o grito calado
De quem quer viver e não sabe como
A liberdade é utopia
A realidade é estar fechado
No seu próprio pensamento
Nas amarras invisíveis
Criadas pela nossa mente

Solidão é sofrimento…

Cris Anvago