quarta-feira, 26 de setembro de 2012

No meu olhar podes ver...
A sensibilidade do meu sentir
A profundidade do meu amar
A delicadeza do meu toque

No meu olhar podes ver...
A intensidade com que te amo...
(Cris Anvago)