quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Os meus dedos percorrem os teus ombros
devagar....sem pressa
Quero tatuar na tua pele suada...
...todos os nossos beijos...abraços...carinhos...
Quero ficar em ti até á eternidade de nós...
Lamber o teu sal...
...que condimenta o nosso desejo
Descer...até bem fundo da tua imaginação
Subir...até ao céu e tocar a estrela que mais cintila em ti
Brilhas...Renovas-me...Provo-te...Bebo-te...
És o meu vinho branco gelado...
...que acompanha a nossa refeição de amor
Quero lambuzar-me...e beber-te até á última gota...
Ficar abraçada...a ti...meu amor...
(Cris Anvago)