sábado, 13 de outubro de 2012

Sempre lutei pelos meus sonhos
Subi montanhas
Andei por caminhos repletos de pedras
Pulei...contornei...ignorei...
Desviei-me das pedras que me atiravam
E...continuo a lutar pelos meus sonhos...
Nessa luta...nada...nem ninguém me trava
Vou buscar forças em mim...sempre mais...
Posso cair...mas depressa me levanto
Caminhar com chuva...tempestade...ventos fortes...
Exausta sempre tento...e tento...e tento...
Que cada um dos meus sonhos
Se tornem Realidades...
(Cris Anvago)