quarta-feira, 25 de setembro de 2013


Nos meus mamilos ardentes
A tua língua dança
Tens os olhos brilhantes
E o meu corpo no teu balança
Os meus dedos...mar...
Entram no teu desejo mais profundo...
Sou grito! Terra! Quero Amar
Caminhar contigo até ao infinito mundo
Onde o mar e o céu se encontram
Onde as estrelas riem
No mar rouco que canta
Suavemente na onda
O teu corpo arrepia
Sou sal, viagem...
Sinto-me louca
Nesta insanidade doce e salgada
Por te amar minha Vida!
(Cris Anvago)