sábado, 1 de março de 2014

Na solidão do teu corpo nu
Fiz dançar as estrelas
Sorrir a lua
Fiz o sol entrar em ti
A melodia florir
Os dedos navegarem
Deixei o vento levar a tua solidão
A felicidade ficou
e eu também...
(Cris Anvago)