terça-feira, 29 de julho de 2014

PALAVRA...GESTO...

Na palavra não dita o gesto grita PAIXÃO
O corpo é vulcão que se expande
No romper da noite nasce o dia
Iluminam-se os olhares
Crescem sorrisos
Plantam-se toques nas curvas
Crescem emoções
Inquietações e suspiros...
Na palavra não dita
O corpo GRITA!
Carinhos e afagos florescem
Rosas perfumadas brotam
Nos poros da pele que transpira
Paixão…carinho…amor…LOUCURA!
(Cris Anvago)