sábado, 8 de fevereiro de 2014

A PALAVRA

Paixão que se revela
Abraço que se sente
Liberdade de pensamento
A corrente que prende
Vaidade que esconde frustação
Raiva que corta a corrente
Amor que se diz e se sente

 A palavra pode ser muito ou nada
carícia ou facada
Conter sentimento
ou ser um balão vazio
Fazer rir ou chorar

Eu acredito na palavra que me faz sentir amada!
(Cris Anvago)