sábado, 1 de fevereiro de 2014

Quero ser a tua melodia na vida
Palavras revestidas de chocolate
Ser o velho disco de vinil
Ser os dois lados inteiros em ti
Quero que sempre me possas sentir
Amar-te em estéreo
Ser eco no teu corpo
Loucura no teu rosto
Quero ser a tua melodia...
(Cris Anvago)