segunda-feira, 24 de novembro de 2014

    Na magia do pensamento
    A minha voz flui
    Na harmonia entre o gesto e a ternura
    Do teu olhar meigo
    Na suavidade do tempo que nos envolve...
    Evoluímos na imensidão do estar
    Ser e ficar imune ao menos bom
    Somos o que construímos
    O que crescemos e aprendemos
    Ouvimos atentamente
    E, continuamos a aprender
    Não somos estanques na nossa vivência
    Viver é aprender com todos
    E a todos ouvir e reter o que de bom sempre possuem!
    (Cris Anvago)