segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Os meus dedos são asas
Levam-te ao céu
Para veres as estrelas
Mergulhares no mar
Sentires sempre
Que não deixo de te amar
(Cris Anvago)