segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Tremo de desejo
quando estou contigo
Tremo de saudade
Quando não estás perto
Tremo de paixão
Porque sei que vou olhar-te
Tocar-te
Que os meus lábios vão passear nos teus
Sempre tremo
Porque te sinto em mim
Olho e vejo o teu sorriso
Que se ilumina
Sempre que me vês
Tocas e sentes
Tremo e tremes na febre do amor
Tão intensamente
Sentimento igual ao meu
(Cris Anvago)