sábado, 10 de maio de 2014

Gosto de mergulhar no vulcão do teu corpo
Incendiar-me nas tuas veias
Ser Eu em Ti
Derramar o meu mar
No teu fogo de existir!
(Cris Anvago)