sábado, 10 de maio de 2014

SENTIR...QUERER...

E o teu respirar ofegante excita-me amor
Faz crescer ainda mais o meu desejo
Toco-te tão leve
Mais leve que os pingos da chuva miudinha
Sinto-te tanto..
Sei que me sentes também…
Enlaço os meus braços em ti
Sinto-me em ti...
E ficas em mim
Num beijo tão apaixonado
Num respirar descompassado
Num amar sem pressas
Com loucura desejo-te
Quero-te!
(Cris Anvago)