sábado, 20 de setembro de 2014

As palavras andam tão incertas
Que se misturam e se atropelam
Falamos demais
Repeti-mo-nos
E, afinal é tão simples
É só deixar o gesto acontecer
Guardar as palavras que atrapalham o beijo…
(Cris Anvago)