domingo, 29 de junho de 2014

NO AMOR

Não existe calendário
Porque não existem meses, dias ou horas
Para amar não existe tempo físico
Existem sensações físicas maravilhosas
Corações que aceleram sem controlo
Loucuras incontáveis
Não existe o Eu e o Tu
Existe o Nós...
Peles que se arrepiam
Veias que fervem
Olhos que riem
No amor tudo é possível
Desde que as duas pessoas queiram, gostem e disfrutem
O Amor é pleno quando é intensamente vivido!
(Cris Anvago)