domingo, 22 de junho de 2014

Tantas vezes me critico…
A impulsividade em mim é absurda
A tolerância, por vezes, é excessiva
Existem defeitos em mim que me irritam
Digo o que penso verdadeiramente
Por vezes sou fria e distante
Por fora sou indiferente
Por dentro sou o oposto
Tão diferente do que mostro…
Protejo-me assim ou prejudico-me?...

O tempo vai dando as respostas…
E eu vou sentindo…na pele…


Só quem gosta de mim...me conhece um pouco...
(Cris Anvago)